sexta-feira, 18 de novembro de 2011

A ladainha

Vão ficar sem o 13º e o 14º meses, vão ficar a ganhar ainda menos e afinal podem ser despedidos. É este o destino dos funcionários públicos em Portugal. E o mais curioso é que se começa a falar nos despedimentos como se nenhuma das outras medidas tivesse já sido aplicada. Esta ladainha dura desde 2001 - com um interregno no ano eleitoral de 2009.

2 comentários:

al cardoso disse...

Tenho muita pena deles, eu que em toda a minha vida nunca tive nenhum desses subsidios!

David Levy disse...

Mas aposto que gostava de ter.