quinta-feira, 18 de abril de 2013

+ défice = + dívida

Grande parte dos que zurzem contra a austeridade e contra o governo de Passos Coelho são os mesmos que criticam  o constante aumento da dívida. Não querem cortes e parecem defender os défices eternos, mas ao mesmo tempo também não querem dívidas. Ou é má fé, ou ainda não perceberam o básico: mais défice hoje é igual a mais dívida amanhã.

2 comentários:

I. B. disse...

Ter o bolo na mão e comê-lo, portanto :)

I.B.

Jim Pereira disse...

Claro que é má-fé!
http://www.caoquefuma.com