segunda-feira, 14 de julho de 2014

Terrorismo caviar

Ao mesmo tempo que utilizam os civis de Gaza como escudos humanos, os líderes do Hamas passeiam-se em jactos privados, como é o caso de Ismail Haniyeh, líder do Hamas (à direita na fotografia) ou de Khaled Meshaal, líder ideológico, que vive uma vida luxuosa em Doha, no Qatar. São estes os hipócritas que pedem à população de Gaza para morrer pelas suas loucuras. 

3 comentários:

José Jesus disse...

Nada de novo. O Fidel, a Dilma, o maduro da Venezuela, o imperador louco da Coreia do Norte, todos esses e muitos mais, vivem como nababos, enquanto povo padece. O Ismail do Hamas, que galvaniza o povo de Gaza com as suas alocuções neo nazis e os seus apelos ao massacre e ao martírio, anda pelos lugares de diversão do mundo, com a sua amante ocidental, a saborear very old scotch whisky. Custa a crer é como há tanta gente que ainda se deixa enganar...

J.J.

Anónimo disse...

Não esquecer as roubalheiras do Arafat!
JM

DL disse...

O Arafat era outro terrorista que vivia que nem o nababo.