quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Acabou a anestesia

Está a acabar a anestesia que atinge Portugal desde o início de 2009. Dia após dia, vai sendo revelada a verdadeira situação da economia portuguesa. Desde as previsões do FMI que atiram o país para o último lugar da tabela dos países avançados, passando pelo procedimento levantado pela Comissão Europeia por défice excessivo, e acabando no reinício dos despedimentos em massa e na divulgação de passivos gigantescos nas empresas públicas, nada corresponde à propaganda difundida pelo governo.
No Partido Socialista, em vez de se trabalhar para inverter a situação, está a ser montada a estratégia para passar as responsabilidades para a oposição. O primeiro-ministro indigitado, que antes escondia a sua incompetência com propaganda, vai agora escondê-la vestindo a pele de vítima.

2 comentários:

Daniel Santos disse...

também me parece que Sócrates se prepara para o papel do coitadinho.

Levy disse...

Ele sabe-a toda...