sexta-feira, 6 de maio de 2011

Construções Ceausescu


Uma das empresas do Regime Socialista - a Parque Escolar - para além de se ter transformado numa autêntica bomba-relógio orçamental (2,25 mil milhões de euros de dívida acumulada), espalhou pelo país várias escolas que serão um sorvedouro de dinheiro nos próximos anos. As escolas em causa, que têm feito as delícias da propaganda do PS, terão custos de manutenção astronómicos e condições ambientais e de conforto piores do que os restantes estabelecimentos de ensino. Já para não falar da qualidade de muitas das construções.
Mais um exemplo de como os socialistas são exímios em esbanjar o dinheiro do contribuintes, unicamente com propósitos eleitoralistas e de uma forma completamente irresponsável.

5 comentários:

Cirrus disse...

Pelo menos já não têm amianto cavaquiano...

:D

Pois claro, tem toda a razão. Estes contratos de manutenção são efectivamente um dos males que nos afligem. E estes das escolas até nem são os maiores... É olhar para as SCUT...

Portugal não pode parar! disse...

Sócrates investe na construção e na remodelação de escolas, mas há alguns «professores» que querem eninar debaixo dum chaparro!

Tanto óduio já enjoa.

David Levy disse...

Caro Portugal não pode parar,

Quem investe são os contribuintes portugueses - que é deles o dinheiro, não de Sócrates, embora o primeiro-ministro haja como se fosse dele.
O primeiro-ministro limita-se a fazer obras sem as pagar e a lançar a conta para futuros governos. Reparei que não contestou o que estava no vídeo. É natural, há por ai um claque de fanáticos a soldo do primeiro-ministro que são avençados para fazerem comentários em blogues do contra. Deve ser o seu caso.

maria disse...

Boa Levy!

David Levy disse...

* 'aja' de agir e não 'haja' de haver. Fica a emenda.