sexta-feira, 6 de maio de 2011

Os finlandeses, esses bota-abaixistas

Em Portugal parece que muito pouca gente reparou que  na Finlândia está a aumentar oposição à ajuda financeira a Portugal e que o voto favorável deste país é tudo menos certo. Este devia ser o principal motivo de preocupação e de discussão, mas em vez disso parece ter-se assumido que o resgate é um facto certo e consumado. 
Muitos poderão estar descansados porque confiam cegamente nas capacidades salvadoras do primeiro-ministro, que julgam ter acautelado um plano B para o caso de a Finlândia vetar a ajuda. Julgam mal. Sócrates é um eterno optimista e nunca em circunstância alguma se foca nas dificuldades e nas maçadas. Pelo contrário, em todas as situações explora a mentira inverdade, a ocultação dos factos, a propaganda mais manipuladora e o atirar de culpas para terceiros. 
Se por um azar os finlandeses chumbarem a ajuda a Portugal, a culpa nunca será do Governo que irresponsavelmente não equacionou essa possibilidade. Será obviamente dos finlandeses, esses derrotistas catastrofistas que se recusaram a ver as virtudes do primeiro-ministro português e lhe minaram o esforço hercúleo e patriótico para salvar o país da ruína provada pela Oposição.
Parece que não se conhece já a cartilha.

6 comentários:

Cirrus disse...

O levy desculpe-me, mas aí exagera. Se não é certa a catástrofe do resgate, e sendo certo o que disse sobre o Socas (como habitualmente), não devia igualmente desancar no FMI que já fez os termos do acordo, sem saber se este irá para a frente? E mais, o que dizer do Catroga, para quem a o acordo é "uma vitória do PSD" - palavras dele, na TV? Sejamos sérios.

Verdadeiro Português disse...

Eu quero que os finlandeses se danem.

Foram sempre os criados dos russos e agora andam muito afoitos.

Eles que vão criar renas e deixem-se de macaquices!

David Levy disse...

@ Cirrus

Mas o FMI pode ter plano B. O Sócrates é que duvido...

Cirrus disse...

Toda a gente pode ter um plano B, Levy. O PSD, terá? O problema é que quando fala de o PS estar muito afoito na negociação do acordo, estando os finlandeses renitentes em o viabilizar, até parece que o amigo Catroga não veio reclamar vitória na TV pela excelente negociação, e até o amigo Portas veio fazer o mesmo ontem!!

Portanto, ou comem todos, ou não há moral. Sejamos honestos. Há dois partidos que, pela sua óptica, afinal, são os que estão certos - os que não foram negociar. Em que ficamos?

David Levy disse...

Caro Cirrus

Para criticar o PSD está cá você ;)

Cirrus disse...

Sim, estou, não é novidade. Para criticar os responsáveis pelo estado a que chegamos, estou. PS/D e CDS-PP. Não sou é cego.