sexta-feira, 7 de maio de 2010

Hoje, numa qualquer escola de aferição

Os cépticos podem descarregar a prova de aferição de Matemática de 6º ano aqui.

4 comentários:

Joaquim Ferreira disse...

Depois de José Sócrates ter um diploma passado ao domingo... que mais interessa? Plágio? Que interessa? copiar...? Que interessa? Afinal, para que querem os alunos ter "Excelente" a todas as disciplinas se apenas UM em CADA VINTE poderá um dia ter "Excelente" se quiser ingressar na carreira docente? Como podem os professores de Portugal conseguir ter alunos "Excelentes" se os professores são catalogados de apenas Bom ainda que sejam Excelentes?... na nossa avaliação, apenas alguns podem ter "Muito Bom" em cada escola. Ridículo. Onde se juntem os professores Excelentes, apenas um ou dois podem ter essa classificação. É como se a selecção de Excelentes jogadores fosse feita com "o melhor jogador" de cada clube de futebol. Seria lindo. Um viria do Oliveira de Azeméis, outro do Farense. Outro do Merelinense (conhecem?)... É deprimente! Apenas um sairia do Benfica! E só um sairia do Braga! Sim. No máximo há 5% de Excelentes! Logo, do Porto apenas 1 jogador para a selecção. Só 1 seria Excelente! É uma avaliação Vergonhosa. País de Corruptos que compram as notas duvidam da capacidade e competência dos que deram provas... E estes, que plagiam, praticam fraudes ... ficam impunes!
Enfim... Este é o país que temos. Por isso, Não Calarei A Minha Voz… Até Que O Teclado Se Rompa !.
Como alguém dizia, um cidadão se esquece de alguma obrigação legal, e, ao descobrir a falha antes de ser detectado e quiser declarar esse esquecimento (engano ou omissão (voluntária ou involuntária!) no mínimo tem de pagar essa falta com JUROS DE MORA, seguidos de custas do processo e arrisca-se a ficar na "lista negra" dos contribuintes faltosos. Porém, se forem os nossos "incompetentes representantes" (leia-se deputados) que foram escolhidos pelos partidos por serem EXCELENTES (Vejam Inês de Medeiros, por exemplo!) para serem eleitos "democraticamente", ou se for a incompetente e teimosa da Ministra da Educação Isabel Alçada (Condenada pelo Tribunal...!) com o apoio do Conselho de Ministros que legisla ilegalmente (vomita diarreia verbal!)... isso... isso é uma decisão política e, como tal, só será condenada "politicamente"! E o máximo que lhe pode acontecer é... ser reeleita ou despedida e nomeada para outro cargo onde poderá demonstrar impunemente a sua incompetência!
E lá vão subtraindo do Orçamento de Estado (dinheiro de todos nós!) um valor incalculável de milhões de Euros que, apesar de estarem rodeados assessores, equipas técnicas, jurídicas, fiscais, de direito público, privado, comunitário, internacional, (E extremamente bem pagos e de que maneira!), NADA NEM NINGUÉM PAGA PELOS ERROS...
E viva a democracia ou partidocracia!... Talvez isto ajude a perceber por que motivo alguns preferem ser ex-ministros (onde se descobrem os podres e a incompetência!) e desempenhar um qualquer cargo de menos visibilidade (mas ainda melhor remunerado!) do que expor-se a fazer parte do Governo onde os cidadãos depressa descobrem que são uns incompetentes!
Vejam isto… Ministra da Educação condenada por desobediência. . Esta e outras realidades levam-nos a prosseguir em frente. Por isso, Não Calarei A Minha Voz… Até Que O Teclado Se Rompa !.

R disse...

As figuras representam hexágonos: cada uma tem 6 lados e 6 vértices.

provocação disse...

É nestas porcarias que me espalho. Eu teria respondido quadrado porque para mim me parecem quadrados sobrepostos :S e sim, sei que "quadrado" não é opção mas ainda assim escreveria "quadrado".

David Levy disse...

@ provocação

não me tinha ocorrido isso dos quadrados sobrepostos. Mas não me admirava nada que quem respondeu "quadrado" tenha pontos só por causa dessa história do "sobreposto".