terça-feira, 11 de maio de 2010

O que dizem os outros

As luminárias governamentais que nos andaram a impingir o progresso da economia via investimento público gastaram tudo o que havia e endividaram o país até às orelhas sem que se vislumbrasse qualquer espécie de avanço que não fosse para o buraco em que acabámos metidos. (...) Ao fim, as luminárias ficarão sempre de consciência tranquila porque aos incompetentes basta o conforto das boas intenções. A sua incompetência é sempre culpa dos outros, neste caso, além do "especulador" é ainda do contribuinte que não produziu o suficiente para dar lume à luminosa torradeira. Vai daí, um novo “impulso” e sobem os impostos. 
Continue a ler no Fiel Inimigo.

2 comentários:

joshua disse...

E andamos nós, tu, eu, tantos, a imprecar esses incompetentes aparentemente tão em vão! Grande Abraço, David!

David Levy disse...

@ Joshua

Cada vez me convenço mais que é em vão. Não espero muito de pessoas que votaram 2 vezes num tipo como o Sócrates. Ultrapassa o domínio do compreensível.

Abraço!